Agora
Agora
Agora
Agora
Agora
Agora
Agora
Menu

Iffland e LoBue dominam nas rochas dos Açores

Men and women on podium
A atual campeã voltou ao topo nos Açores enquanto que o 'Spin Master' venceu a segunda etapa consecutiva.

A australiana Rhiannan Iffland voltou às vitórias e quebrou recordes na terceira etapa do Circuito Mundial Red Bull Cliff Diving 2018, nos Açores, dominando todas as rivais com a maior pontuação de sempre na competição feminina. A bicampeã também conseguiu uma nota 10 num salto diretamente das rochas e garantiu a vitória ao executar o salto mais dificil de sempre alguma vez tentado por uma mulher. A mexicana Adriana Jimenez terminou em segundo, com a canadiana Lysanne Richard a ficar em terceiro.

Na competição masculina, uma final fascinante viu o americano Steven LoBue a superar por pouco o seu conterrâneo David Colturi, que momentos antes tinha conseguido a maior pontuação para um salto individual masculino. O 'Spin Master' alcançou a vitória no último salto do dia, conquistando assim a sua segunda vitória consecutiva no circuito mundial. O antigo campeão Gary Hunt regressou à forma e conseguiu simultâneamentem o terceiro lugar e o seu primeiro pódio da temporada.

Foi o salto assinatura de Hunt, o 'triple quad', que catapultou o vencedor de 30 competições de volta ao top três, após o britânico ter tido de lidar com um bloqueio mental relativo aos seus saltos em pirueta no começo da temporada. O aumento de confiança na terceira ronda também foi visível em Collturi, que agora detém o recorde do salto de cliff dive mais difícil, um invertido com dois mortais e cinco piruetas. Ao receber 9s dos juízes, o americano não só melhorou a sua posição no pódio após ter ficado em 3º em Espanha há duas semanas, como o voltou a partilhar com o seu compatriota e amigo LoBue.

"É super fantástico quando consegues ficar no pódio", disse LoBue. "Esta localização é especialmente desafiante e toda a gente consegue subir o nível. O David fez uma pirueta e pêras e Gary Hunt está de volta, está a fazer a sua grande pirueta novamente, por isso, quando consegues vencer neste cenário é extra especial."

Steven LoBue
Steven LoBue rodopia para longe da plataforma e rumo à sua segunda vitória num espaço de duas semanas. Foto: Dean Treml/Red Bull Content Pool

Com esta conquista, o atleta de 33 anos soma cinco vitórias individuas da plataforma dos 27m, repetindo o triunfo de 2014 nas rochas vulcânicas e liderando a classificação geral com uma grande vantagem para o segundo e terceiro classificados, Michal Navratil e Colturi.

À terceira etapa da temporada, o atual campeão, Jonathan Paredes, encontra-se em 5º na classificação geral, após um desapontante 6º lugar nas rochas. Hunt, por sua vez, recuperou três posições e subiu para 8º. O vencedor do ano passado nos Açores, Orlando Duque, não participou na prova devido a uma lesão nos dedos do pé, que contraiu enquanto aquecia para a competição de sexta-feira.

Gary Hunt
Gary Hunt voltou à forma e assegurou o primeiro pódio da temporada nos Açores. Foto: Romina Amato/Red Bull Content Pool

O evento das mulheres também foi de quebrar recordes, com a bicampeã Iffland a executar um salto perfeito a partir das rochas vulcânicas e a receber apenas a segunda nota 10 alguma vez atribuida na história da competição feminina. O salto mais memorável da sua carreira até agora, um frontal com 2 mortais e uma pirueta e meia, que rasgou o Oceano Atlântico como uma flecha, tornou-se também no salto obrigatório feminino com a melhor pontuação de sempre (71.50pts).

Após ter falhado o pódio no Texas, algo que aconteceu apenas pela segunda vez desde que começou a competir no Circuito Mundial, a australiana recuperou em estilo próprio de uma bicampeã. Iffland esteve na liderança desde a primeira ronda, vencendo todas as quatro e terminando a mais pura das etapas com a maior pontuação de sempre da competição feminina.

"A primeira competição, no Texas, foi um bocado desapontante", considerou Rhiannan Iffland. "Estava um bocado tremida, mas, de certo modo, isso motivou-me a esforçar-me para este novo salto, que acabei de completar e pelo qual estou super entusiasmada. Estou muito feliz por estar de volta ao topo do pódio nesta competição, mas está apenas na altura de continuar a esforçar-me e desfrutar do resto do Circuito."

ap-1w9bczkv92111_hires_jpeg_24bit_rgb.jpg
Rhiannan Iffland voltou ao topo do pódio após quatro grandes prestações em todas as rondas da etapa açoreana. Foto: Dean Treml/Red Bull Content Pool

A 2ª classificada em Portugal, Adriana Jimenez, ainda lidera as classificações gerais femininas, com Iffland a subir para a 2ª posição e Jessica Macaulay, a wildcard surpresa, a ficar num fantástico 3º lugar após ter terminado em 5º no Ilhéu de Vila Franca do Campo, onde voltou a ser a melhor convidada.

Do cenário mais puro e remoto do Circuito Mundial, o Red Bull Cliff Diving parte para a pitoresca Sisikon e para o Lago Lucerne, nos Alpes Suíços, para o qual as mulheres irão saltar pela primeira vez, dentro de duas semanas.

Resultados da etapa dos Açores:

HOMENS

1- Steven LoBue EUA - 405.35pts
2- David Colturi EUA – 404.80
3- Gary Hunt GBR - 400.20
4- Michal Navratil CZE – 369.55
5- Kris Kolanus POL - 360.55
6- Jonathan Paredes MEX - 358.20
7- Andy Jones USA – 357.85
8- Nikita Fedotov (W) RUS – 292.15
9- Slavik Kolesnikov (W) UKR - 287.80
10- Viktar Maslouski (W) BLR – 280.55
11- Sergio Guzman (W) MEX – 229.05
12- Blake Aldridge GBR – 221.70
13- Alessandro De Rose ITA - 189.85
14- Orlando Duque COL – DNS

MULHERES

1- Rhiannan Iffland AUS – 324.95pts
2- Adriana Jimenez MEX – 294.30
3- Lysanne Richard CAN – 285.80
4- Yana Nestsiarava BLR – 281.30
5- Jessica Macaulay (W) GBR – 280.30
6- Ginger Huber USA – 255.80
7- Anna Bader GER – 252.40
8- Antonina Vyshyvanova (W) UKR – 248.00
9- Jacqueline Valente (W) BRA – 241.10
10- Eleanor Townsend Smart (W) EUA – 172.90

Vê a repetição dos Açores

Volta a ver toda a ação on demand em www.redbullcliffdiving.com, Red Bull TV, Facebook, Youtube e Twitch. A Red Bull TV está disponível em smart TVs, consolas, dispositivos móveis e noutras plataformas. Sabe mais em about.redbull.tv

Lê e vê mais sobre Red Bull Cliff Diving aqui